segunda-feira, 6 de novembro de 2017

sexta-feira, 1 de setembro de 2017

JANELA DE OVERTON

Você já ouviu falar em Janela de Overton? Trata-se, falando de forma simplificada, de uma técnica para mudar a opinião das pessoas para que elas passem a pensar como queremos que ela pense. Tenho certeza que irá gostar das explicações contidas neste vídeo.

 

sexta-feira, 9 de junho de 2017

CORRUPÇÃO NO BRASIL - quem dá o primeiro passo, políticos ou empresários?

Irmãos Batista estão sendo punidos por estatais por haverem delatado esquemas de corrupção do governo

A JBS está sendo punida por haver escancarado a corrupção. A Folha de São Paulo publicou hoje que a estatal CAIXA ECONÔMICA decidiu cobrar, antes do prazo acordado, um empréstimo feito pela empresa dos irmãos Batista. Trata-se da empresa "Flora", dona das conhecidas marcas Minuano e Neutrox. O financiamento venceria somente no ano que vem.

Além da Caixa Econômica, outra estatal, a PETROBRAS, está sendo usada para punir o conglomerado JBS. A empresa resolveu usar uma cláusula anticorrupção para interromper um contrato de fornecimento de gás para a térmica do grupo J&F em Cuiabá.

Estas manobras nos fazem pensar: "as 'operações' de investigação de corrupção, inspiradas pela brasileira LAVA JATO, realizadas nos países bolivarianos estão realmente comprometidas com o saneamento da corrupção ou estão sendo usadas para punir as empreiteiras brasileiras que cresceram com o auxílio do dinheiro roubado?".

Como disse O Antagonista, Caixa Econômica e Petrobras, "duas estatais saqueadas pela ORCRIM, manobram para calar aqueles que denunciam seus saqueadores"... E nos países pertencentes ao Foro de São Paulo, "quem" manobra para calar aqueles que denunciam?

quarta-feira, 7 de junho de 2017

SÍTIO DE ATIBAIA - Quais as provas contra a defesa de Lula?



Conforme exposto na subseção IV.5, o casal Luiz Inácio Lula da Silva e Marisa Letícia Lula da Silva exercia o uso das principais instalações e benfeitorias do Sítio. 

Igualmente, foram efetuadas construções, ampliações, adaptações, reformas, instalações de itens de conforto, bem como uso de objetos decorativos personalizados, destinados às demandas específicas do ex-Presidente Lula e de sua família.

sábado, 3 de junho de 2017

Relatório final do Ministério Público sobre o triplex

Triplex de Lula no Guarujá avaliado em até R$ 1,8 milhão

Sexta-feira passada, 02/06/2017, foi divulgado o relatório das alegações finais do Ministério Público Federal acerca do triplex do Guarujá. Ali podemos ler claramente que "Em vez de buscar apoio político por intermédio do alinhamento ideológico, LULA comandou a formação de um esquema criminoso de desvio de recursos públicos destinados a comprar apoio parlamentar de outros políticos e partidos, enriquecer ilicitamente os envolvidos e financiar caras campanhas eleitorais do Partido dos Trabalhadores – PT em prol de uma permanência no poder assentada em recursos públicos desviados. A motivação da distribuição de altos cargos na Administração Pública Federal excedeu a simples disposição de cargos estratégicos a agremiações políticas alinhadas ao plano de governo. Ela passou a visar à geração e à arrecadação de propina em contratos públicos."

domingo, 7 de maio de 2017

Leopoldo Lopes continua desaparecido

Dos portões do presídio militar de Ramo Verde, onde está preso Leopoldo Lopes, Lilian Tintore aguarda, com seus filhos, permissão para visitar o marido que não vê há 35 dias. Hoje, domingo, seria dia de visita familiar.

Lilian não tem notícias de seu marido desde que começaram os protestos nas ruas da Venezuela - após o golpe de Nicolás Maduro.

terça-feira, 18 de abril de 2017

VENEZUELA - O povo não quer Nicolas Maduro

Tropa bolivariana de Nicolas Maduro em confronto com a população na Venezuela.

O regime democrático não é uma realidade na Venezuela. Seu presidente, Nicolas Maduro, segue no comando da nação que o rejeita e protesta frequentemente contra seus desmandos. A manifestação mais recentes é responsável por levar MILHÕES de pessoas às ruas, por dias à fio, numa onda de protestos que clamam a queda do ditador - à semelhança do ocorrido no Egito em 2011.

Em resposta, a população é violentamente recebida pelas tropas bolivarianas.

Estado de confronto diário na Venezuela entre a população e as tropas bolivarianas de Maduro.
Sobreviver na Venezuela não é tarefa fácil. Pessoas morrem todos os dias por vários motivos... A grande maioria deles provocados pela política governamental.


  • Há falta de medicação básica nas farmácias e hospitais;
  • Há desnutrição provocada pela fome generalizada (devido ao desabastecimento);
  • Há enorme incidência de crimes, violência e consumo de drogas;
  • E há violência nas ruas durante os conflitos com a polícia - seja nestes acontecimentos recentes, seja nos já tradicionais saques à supermercados. 

Saque ao depósito do Supermercado Uniferia que levou à morte de Gustavo Patiñis por coletivos armados.

Falta tudo na Venezuela. Além da comida e do papel higiênico - que já virou piada nas redes sociais - também há escassez de energia elétrica e água potável. Por conta disso os cortes no abastecimento são constantes e a população se vira como pode.

Maduro e Dilma, governos alinhados ideologicamente.

Na segunda-feira (17/04/2017) o deputado venezuelano Luiz Florido pediu ao governo brasileiro que cesse a venda de armas para a Venezuela, sobretudo as armas tóxicas vendidas por Dilma Rousseff. No mesmo dia Maduro anunciou a expansão do corpo de milícias do país - composto por civis armados - para 500 mil agentes. Esta notícia saiu no site d'O Globo.

Tropa bolivariana nas ruas pronta pra reprimir manifestações contra o governo do ditador Nicolas Maduro.

O atual governo brasileiro que, em tese, já deveria ter se posicionado contra as decisões arbitrárias e aos desmandos do governo venezuelano, vem fazendo corpo mole e se restringindo a cobrar o impossível: que hajam eleições, que haja diálogo, que se faça a paz. Enquanto isso segue o caos no país vizinho. A conclusão lógica que podemos tirar é que no Brasil mudou o governo mas não a ideologia governante.

O povo se defende com "pedras" contra o armamento pesado da guarda bolivariana.

quinta-feira, 2 de março de 2017

Daniela Mercury mergulha de cabeça em sua decadência

Daniela Mercury resolveu insultar a PM baiana e mostrar o dedo para o camarote da corporação. Tudo para se manter na mídia

Fonte:




Pois é, a cantora resolveu abraçar de vez o papel de "quebradora de tabu". Começou com o proselitismo de suas escolhas pessoais, foi avançando para a afronta contra tudo o que ela rotula como "conservador" e agora se dirige a instituições como a PM, onde milhares de homens e mulheres se colocam como guardiões da ordem e da vida (incluindo a vida da própria cantora).

Não deve ser uma mera questão de ódio, já que estes posicionamentos de Daniela são relativamente recentes. Isso é uma consequência tardia da decadência. Ciente de que seus dias como artista descambavam para o ocaso, a cantora viu na infâmia o seu ganha pão. Sabe que encontrará palanque fácil junto aos radicais que lotam as redações, que seu nome será mantido em evidência por conta desses rompantes friamente calculados. Se fosse uma adolescente, seria fácil ironizar essas birrinhas afirmando que o pai chora no chuveiro pelo que a filha se tornou. No caso de Daniela, é ela quem certamente chora no chuveiro ao perceber que precisa de protagonizar esse freakshow para manter a carreira respirando por aparelhos.

Em tempo: Daniela está sendo criticada por extremistas do movimento negro por ter usado peruca black power e maquiagem para escurecer a pele em uma de suas apresentações no mesmo trio usado para insultar a PM. Os extremistas estão acusando a cantora de fazer "black face". Quem com os porcos se mistura, farelo come.

http://www.oreacionario.blog.br/2017/03/daniela-mercury-resolveu-insultar-pm.html




O Blog ROTA 2014 publicou a reação do vereador Aleluia de Salvador (link). Veja parte do post abaixo.

O líder do DEM na Câmara Municipal de Salvador, Alexandre Aleluia, anunciou que apresentará, na segunda-feira (6), uma moção de repúdio à atitude da cantora Daniela Mercury. O vereador ainda lembrou que nas celebrações pelos 190 anos da PM, Daniela Mercury foi agraciada pela corporação com uma medalha de honra ao mérito. 
"A atitude da cantora foi no mínimo de ingratidão", comentou Aleluia.

sexta-feira, 24 de fevereiro de 2017

Mark Zuckerberg e sua ideologia utópica

ESSA É UMA REPRODUÇÃO DO TEXTO DE RODRIGO CONSTANTINO

Mark Zuckerberg escreveu um “manifesto” em que imagina um futuro completamente modificado pela força das redes sociais, onde as guerras e a pobreza, assim como as angústias, desaparecem do mapa. Esse foi o tema da coluna de João Pereira Coutinho na Folha hoje.

Coutinho começa levantando a hipótese – logo descartada – de se tratar de uma peça de humor, o que não combina com o fundador do Facebook. Ele não parece se encaixar na categoria dos utopistas satíricos, “gente profundamente descontente com a realidade em volta e que usa a literatura para divertir ou moralizar”.

Logo, resta a alternativa de ele ter falado a sério mesmo. O que torna tudo mais lamentável. Afinal, quando a Miss Universo repete que seus desejos são por um mundo de paz e prosperidade, damos um desconto, já que não são exatamente seus atributos intelectuais que estão em julgamento – para desespero das feministas recalcadas. Mas quando um bilionário influente leva a sério tal mensagem, é motivo para espanto:

Em teoria, um mundo sem pobreza, sem guerra, sem angústia e sem solidão pode ter os seus encantos. De preferência, se for proposto por uma candidata a Miss Universo com biquíni a condizer.

Mas imaginar o sr. Zuckerberg em tais preparos, para além de esteticamente arrepiante, é politicamente aberrante: aquilo que define a espécie humana é a diversidade de interpretações e soluções sobre qualquer assunto social.
No jardim de infância dos românticos, o mundo será um lugar pacífico se todos escutarem “Imagine”, de John Lennon. Mas no mundo real, sabemos que questões complexas entram em cena, e que quase sempre podemos falar apenas em “trade-offs”, não em “soluções”.

A questão da pobreza, por exemplo, demanda logo saber: como reduzi-la? E é aí que mora o problema verdadeiro. Tirando dos outros? Adotando um sistema de liberdade econômica com pouca regulação? Ou seja, o debate no mundo dos adultos não permite utopias bobocas que imaginam um mundo sem miséria, por mais acalentador que isso seja. E o debate irá chegar invariavelmente em dilemas morais, já que não existe uma única receita de bolo para tudo.

A utopia política é sempre coletivista, pois não permite espaço para a verdadeira pluralidade de ideias – e, portanto, soluções. Coutinho ataca isso já no começo do “manifesto” de Zuckerberg:

As minhas gargalhadas começaram logo no princípio: “Estamos a construir o mundo que todos queremos?”, pergunta o profeta Mark. Não, meu filho, não estamos. Cada um constrói o mundo que entende porque a ideia de um propósito comum só existe na cabeça de um fanático. Pior: de um fanático que acredita falar em nome de “todos”.
Em meu livro Liberal com orgulho, coloquei duas epígrafes que resumem bem a postura liberal diante disso, em contraponto a essa visão esquerdista utópica e arrogante:

“O liberal é humilde. Reconhece que o mundo e a vida são complicados. A única coisa de que tem certeza é que a incerteza requer a liberdade, para que a verdade seja descoberta por um processo de concorrência e debate que não tem fim. O socialista, por sua vez, acha que a vida e o mundo são facilmente compreensíveis; sabe de tudo e quer impor a estreiteza de sua experiência – ou seja, sua ignorância e arrogância – aos seus concidadãos.”  – Raymond Aron.

“Devemos buscar a perfeição na criação, na vocação, no amor, no prazer. Mas tudo isso no campo individual. No coletivo, não devemos tentar trazer a felicidade para toda a sociedade. O paraíso não é igual para todos.” – Mário Vargas Llosa.

Falta a esses “progressistas” uma humildade maior para reconhecer isso, para admitir que a sua própria visão de mundo é limitada, não é capaz de englobar todos os anseios e objetivos individuais. O seu “paraíso” pode ser o inferno para terceiros. Essa gente deveria ler Thomas Sowell, Isaiah Berlin e outros pensadores do tipo, que mostram como a maturidade é justamente aceitar as limitações do mundo real, em vez de querer que o mundo todo se curve diante de seus sonhos infantis.

Zuckerberg não poderia deixar de fora de sua utopia a tecnologia, claro. Ele acha que a inteligência artificial vai nos salvar. Deveria ver “Black Mirror”, a série da Netflix que retrata como distopia essa crença perigosa, ignorando que a natureza humana não costuma “evoluir” no mesmo ritmo do progresso tecnológico.

Outro ponto-chave de sua utopia é a “democracia direta”, que o próprio Facebook poderá viabilizar como ferramenta. Coutinho condena essa solução também:
Finalmente, o óbvio: com o Facebook, eleitores e eleitos estarão mais próximos do que nunca, escutando-se mutuamente. Tradução: se “a tirania da maioria” aprovar atos de barbaridade, o político, para ser eleito, defenderá atos de barbaridade.

Os mecanismos de mediação que as democracias liberais sempre defenderam (tribunais, parlamentos etc.) devem ser derrotados em nome da “vontade geral”, essa categoria sinistra que Rousseau legou aos seus discípulos.

Enfim, Zuckerberg não defende coisas novas, e em vários sentidos é um ícone do que chamamos de “globalistas”, aqueles que pensam que “os problemas globais só podem ser enfrentados por uma espécie de ‘comunidade global’ –um eufemismo para ‘governo global'”. Os conservadores, como Roger Scruton ou Michael Oakeshott, partem de prismas diametralmente opostos, preferindo as soluções locais, justamente porque reconhecem os riscos autoritários dessas alternativas “globalistas”.

Coutinho conclui de forma direta: “O manifesto de Mark Zuckerberg é um documento megalômano e autoritário escrito com a tinta ilusória das boas intenções. Se adolescentes assim não têm noção do ridículo, o mundo já será um pouco melhor se os adultos não perderem o deles”. O problema é que cada vez mais adultos querem bancar os adolescentes, e alguns possuem bilhões para tanto…
Rodrigo Constantino

sábado, 18 de fevereiro de 2017

FinoTratoNews - mais um canal de direita

Graças a internet, e ao YouTube, os canais informativos de direita vem crescendo. A mídia convencional já se mostrou descaradamente "Fake News" (propagadora de notícias falsas). A última foi com a divulgação da pesquisa tendenciosa e visivelmente manobrada com a finalidade de nos convencer que o futuro presidiário Lula da Silva tem alguma chance de vencer as eleições presidenciais de 2018.

ASSISTAM E ASSINEM O CANAL PARA FICAREM BEM INFORMADOS.

quinta-feira, 19 de janeiro de 2017

PETROBRAS - em que pé está a FALSA APURAÇÃO das maracutaias praticadas na empresa


As apurações INTERNAS na Petrobras a respeito do desvio do dinheiro público estão seguindo o mesmo caminho das famosas CPIs do Congresso Nacional... Em outras palavras, estão sendo levadas nas coxas, com pouco ou nenhum critério investigativo e sem a menor preocupação com a responsabilidade de mostrar um desfecho satisfatório.

Na verdade servem apenas para dizer que estão fazendo alguma coisa, enquanto que, na verdade, não fazem nada POIS O OBJETIVO É NÃO FAZER NADA MESMO.

As Comissões Internas de Apuração (ou CIA, para os íntimos) já finalizaram algumas das "investigações em curso" mas os resultados parecem ser sigilosos pois sequer os funcionários que dela participaram conseguem ter acesso a uma cópia dos seus próprios depoimentos.


É o que revela O Antagonista. Segundo o site um dos funcionários ouvidos desabafou: "Como posso ter certeza de que incluíram todas as informações que dei?"

Outro "desabafo" conseguido pelo site O Antagonista dos funcionários da Petrobras foi a revelação (revelação?) de que os "ajudantes" daqueles personagens pegos pela Lava Jato [Renato Duque, Nestor Cerveró e Roberto Costa] continuam "fazendo o seu trabalho" de sempre dentro da empresa, ou seja, em cargos de chefia ⇒ o que inclui a coordenação destas investigações.



Entendeu ou quer que desenhe?
Vou desenhar: o Ali Babá foi preso mas os quarenta ladrões ficaram para "apurar e revelar" quem praticou as fraudes do petrolão.

terça-feira, 17 de janeiro de 2017

LEGALIZAR AS DROGAS - ESSA É A PROPOSTA DO GOVERNO PARA ACABAR COM A MATANÇA NOS PRESÍDIOS


Quando eu digo que as esquerdas brasileiras estão mancomunadas com o narcotráfico muita gente torce o nariz, mas aí está a prova de que minhas afirmações não estão assim tão distantes da realidade.

As facções do narcotráfico em disputa pelo controle dos presídios e das rotas internacionais do tráfico de drogas estão tão ligadas aos nossos políticos que estes não estão fazendo nada para parar a carnificina nos presídios. Ao contrário, toda vez que algum representante do governo vem a público é para dizer que está tudo "pacificado".

NA VERDADE ESTÁ "TUDO DOMINADO".

O nosso governo, de ideologia de esquerda, só fala em INDENIZAÇÃO DAS FAMÍLIAS dos meliantes... E agora, para fechar com chave de ouro a discussão, começaram a falar em descriminalizar a maconha.

Percebem a ligação?

domingo, 15 de janeiro de 2017

Câmaras de segurança e o projeto criminoso de poder do PT


Palácio do Planalto não tem câmeras de segurança desde 2009. Elas foram retiradas durante a reforma realizada pela empresa de engenharia Porto Belo.




Segundo o que foi dito pelo governo na época, a reforma se fazia necessária devido a precariedade de conservação, posto se tratar de uma obra prestes a completar cinquenta anos. Essa foi a desculpa dada à imprensa e aos brasileiros. Sabe-se hoje, porém, que a real motivação foi bem outra.


Em primeiro lugar o governo Lula havia acabado de passar pela crise do mensalão, e, apesar do mensalão, conseguiu se reeleger. Diz-se que o Presidente Lula tomou a decisão POLÍTICA de fazer a reforma no Palácio do Planalto logo no início do seu segundo mandato, como pode ser verificado no site do Planalto.


No mesmo post podemos ver que "em linhas gerais, a restauração prevê, entre outros, os seguintes serviços: troca das instalações das redes lógica, elétrica, hidráulica e sanitária, dos sistemas de incêndio e de ar condicionado; substituição de alvenarias e divisórias; restauração da fachada (peças de mármore e granito); construção de estacionamento para 500 veículos; substituição de toda a parte de alta tensão e geradores de energia; restauração das esquadrias e troca de vidros; construção de escada contra-incêndio; implantação do sistema de aproveitamento de águas; e modernização tecnológica".

Cabe aqui uma pergunta: a que se refere o termo "modernização tecnológica"?

Seria a forma petista de dizer "modernização da interferência no sistema de vigilância".


Em dezembro de 2010 o senador Álvaro Dias denunciou o superfaturamento da obra... nada aconteceu. Esta reforma durou mais de um ano, foi orçada em R$76 milhões mas gastou-se cerca de R$111 milhões. A Revista Veja da época chegou a noticiar mais esse escândalo, mas a notícia caiu no esquecimento.

É certo que o Palácio do Planalto é uma construção antiga, mas sempre passou por obras de manutenção e segurança. Uma delas, ocorrida em regime de urgência, ocorreu em 1991, após um homem que dirigia um ônibus tentar invadir o prédio. Foi nesta época em que se deu construção do espelho d'água em frente e na lateral direita do prédio.

CONHEÇA UM POUCO MELHOR OS MILITONTOS




É verdade que a maioria da população não tem formação política nenhuma e são manipulados com falsas informações, por isso não devemos "odiá-los". Se os eleitores do PT estão mal informados, então será tarefa fácil mostrar-lhes os fatos -> as conclusões eles tirarão por si.

Esses militontos provavelmente não ganham nem pão com mortadela e Tubaína para fazer isso. O PT injeta ódio em suas mentes e cria neles a "necessidade" de fazer algo para tornar o país o paraíso prometido pelo ideal utópico marxista - o PT promete "o mundo e o fundo" e eles (o povo) apenas precisam fazer a sua parte. É assim que criam um "revolucionário".

quinta-feira, 12 de janeiro de 2017

A IDEIA É: DIZER QUE NINGUÉM PRESTA PARA PODER FICAR BEM NA FITA

Atualmente a principal estratégia da esquerda é dizer que "ninguém presta", desqualificando todo mundo e nivelando por baixo, para que a moral deles e do molusco fique menos feia, mas bem sabemos que é mais suja que pau de galinheiro. Não compre esse discurso furado. Ainda há políticos que se salvam, embora sejam poucos. Abaixo relacionei alguns.

Senador Alvaro Dias: tem sido transparente e dialoga com o cidadão ativamente nas redes sociais, atuou com vigor no Impeachment e a todo momento tem denunciado as muitas falcatruas da esquerda. Mas é constantemente acusado por um episódio de 1988 (quase 30 anos atrás!), quando era governador de ter massacrado professores. Quem é paranaense como eu sabe muito bem que não havia professor algum naquele episódio e ninguém fala da ocupação e destruição causada pelos vândalos na assembléia, semelhante as causadas pelos "estudantes" recentemente em todo Brasil. É acusado de ser de esquerda por ser ex-PSDB, mas esquecem os motivos pelos quais saiu do partido e entrou para o PV.

Senador Ronaldo Caiado: político claramente de direita pelo DEM, atuou no Impeachment e tem denunciado as falcatruas da esquerda. É acusado de manter escravos em suas fazendas e chamado de "sepulcro caiado" por eles, acusações sem qualquer prova ou fundamento.

Senadora Ana Amélia: trabalhou duramente no Impeachment e tem feito várias conquistas na aprovação de leis importantes para o país. Inteligente, honrada e honesta, mas só é lembrada pela esquerda por uma foto em que segura uma foto de Fidel Castro, onde esquecem convenientemente que trata-se de um registro profissional de quando ela era jornalista, da mesma forma que tentam desqualificar a jornalista Carla Zambelli por ter entrevistado Delúbio Soares. Vocês também entrevistam pessoas da direita, jornalistas esquerdofrênicos!

Senadora Simone Tebet: excelente jurista e profunda conhecedora das leis, atuou com empenho exemplar no Impeachment. É acusada pela esquerda de estelionato eleitoral, dentre outras sandices.

Senador Magno Malta: atuou com rigor no Impeachment e defende com paixão as pautas conservadoras, barrando projetos absurdos da esquerda que visam atacar a família, a moral e os bons costumes. É acusado pela esquerda de ser ex-petista, o que é verdade, mas esquecem que ele abandonou o barco tão logo descobriu as maracutaias. Tentam de toda forma denegrir sua imagem por ter acreditado nas mentiras do PT ou por ser evangélico.

Júlio Marcelo: funcionário do TCU, homem de inteligência ímpar, ajudou a esclarecer o absurdo que foram as tais "pedaladas", eufemismo criado pela esquerda para fraude fiscal. Não pouparam ataques vis e baixos contra a sua pessoa.

Janaina Paschoal: jurista exemplar e de alto nível, foi atacada pela esquerda com o boato infundado de ter ligações com o PSDB e cujo pedido de Impeachment foi pago pelo partido pelo valor de 45 mil reais. Boato tão falso quanto nota de três reais. Esquece a esquerda que o verdadeiro autor do pedido é Hélio Bicudo, ex-fundador do PT.

Deputado Jair Bolsonaro: batalhador solitário na câmara contra o avanço do comunismo e sua agenda nefasta, teve inúmeros projetos importantes para o país barrados pela esquerda, que o acusa de nunca ter feito nada em 30 anos de trabalho. É um dos poucos políticos honestos neste país, tem até uma gravação onde petistas tentam comprar seu apoio com propina e ele manda enfiarem naquele lugar. É atacado massivamente pela mídia de esquerda por conta de declarações dadas há muitos anos e que são vistas com horror pela turma do politicamente correto, fiscalizadora do feofó alheio. Por conta de tais declarações é acusado injustamente de homofobia, xenofobia, racismo, etc. É acusado de enaltecer o general Brilhante Ustra no plenário da Câmara, ao mesmo tempo que ignoram que no mesmo dia deputados de esquerda enalteceram os guerrilheiros Carlos Marighella (autor do manual do guerrilheiro urbano recentemente encontrado com os grupos ligados ao MTST que vandalizaram Brasília e a FIESP) e também Carlos Lamarca, guerrilheiro comunista envolvido em sequestros, assassinatos, assaltos a banco, etc.

Tenho visto também muitos ataques da esquerda e também de uma ala de desconhecidos que se dizem de "direita" aos líderes dos movimentos de rua (principalmente a Fernando Hollyday, Kim Kataguri, Carla Zambelli e Joyce Hasselman), uma turma que ninguém jamais viu e agora tentam "sentar na janela" atacando quem está há meses lutando pelo Brasil.

Da mesma forma há quem não poupa ataques ao juiz Sérgio Moro dizendo que ele é ligado ao PSDB, à operação Lava-Jato como manobra da esquerda, ao MPF e a Polícia Federal. São inúmeras as insinuações e artifícios, tudo infundado e qualquer um que saiba usar o Google pode atestar as mentiras, golpes e manobras descabidas para desqualificar estas pessoas e instituições.

Inclusive o próprio Impeachment é também desqualificado como "inútil" e "de nada adiantou", como se manter o PT no poder roubando horrores fosse a melhor coisa do mundo. Esquecem que o resultado final do processo foi fraudado por ninguém menos que o petralha Lewandowski e o Renan Calheiros, velho coronel da política junto com Sarney e Collor, aos quais o PT se aliou já no primeiro mandato de Lula.

Quero finalizar dizendo que não coloco a mão no fogo por nenhum político e não é incomum acreditar e ser surpreendido por traições ao povo brasileiro. Mas este discurso da esquerda de que ninguém presta é sórdido e sem valor. Não entre nessa conversa mole. Saiba avaliar quem é quem por seus atos, não pelo que a esquerda ou a imprensa vermelha diz.

terça-feira, 3 de janeiro de 2017

A FAVOR DO SERVIÇO MILITAR OBRIGATÓRIO


Sei que muitos irão discordar de mim - principalmente os mais jovens. Acontece que a disciplina, o respeito e os valores da nossa sociedade foram gravemente subvertidos por décadas de propaganda marxista nas escolas, nas faculdades e através das mídias nacional e internacional.

Já tivemos prova do quanto a disciplina rígida de uma escola militar pode fazer para jovens carentes da periferia. O vídeo do programa CQC deixou isto mais do que claro...


E é por isso que eu sou a favor do serviço militar obrigatório.





Nenhuma outra instituição tem o poder de recuperar os nossos jovens como o serviço militar.



NOSSOS HOMENS PRECISAM REAPRENDER A SER HOMENS.